Celulares & mediocridade

10 de dezembro de 2019

Há mais ou menos um mês, eu derrubei chá quente no meu celular da Xiaomi.

Eu nunca fui muito fiel a marcas, porém um Xiaomi está dentro da lista de itens que eu sempre quis e, finalmente, em fevereiro de 2019, eu consegui comprar um. Não foi fácil, porque na época eu não tinha cartão de crédito, então demorei para juntar toda a grana. De qualquer forma, foi uma baita conquista e eu estava extremamente feliz. Ok, o modelo que eu comprei estava longe de ser dos melhores e sinceramente tem muitas coisas nele que eu não gosto muito, mas eu realmente gostei da experiência da MIUI e estava relativamente contente com ele. Até que aconteceu. Em um descuido, eu derrubei chá quente no bonito.

Por ser um modelo baratinho, ele não tinha nem uma forma de resistência à água ou respingos, então pensei “putz, acabou”. E quando vi que o aparelho desligou, eu tive a certeza que tinha acabado. Pesquisei o que era recomendado fazer quando cai água no celular, mas de qualquer forma eu sabia que já não tinha mais jeito. Afinal, era chá. Quente. Não água, chá quente! Eu tinha certeza que as peças internas tinham sido cozidas.


Imagine meu Xiaomi no lugar do frango

Até que, uns dias depois, eu consegui ligar ele. Estranhamente, todos os meus dados foram apagados, como se o telefone tivesse sido restaurado de fábrica. Não sei como isso aconteceu, se a água tem algo a ver com isso ou se foi algum bug do sistema, mas ele parecia estar funcionando. Deixei ele descansando mais alguns dias, até que acabei esquecendo dele. Nesse meio tempo, fui usando outro celular, um Motorola, enquanto não resolvia o problema do Xiaomi.

Eis que, esses dias, lembrei do bonito e resolvi tentar ligar novamente. Foi um saco ter que configurar o aparelho tudo de novo, mas eu precisava testar pra ver se estava tudo funcionando. Para minha surpresa, o aparelho está 100% funcional. Parabéns Xiaomi por superar minhas expectativas, que já eram altas para um cacete.

Testei tudo: as câmeras, microfone, entrada P2, áudio, software... Tudo funcionando perfeitamente, como um milagre de natal! E agora eu tenho 2 celulares funcionais e não sei qual dos dois usar no dia a dia porque, apesar de eu amar a MIUI, o Motorola tem muitos aspectos que me agradam muito mais do que o Xiaomi, como a qualidade das câmeras e o tamanho compacto.

Só que essa história de ter 2 celulares funcionais e não saber qual usar já é velha para mim. Eu não sei o que acontece, se é o destino ou o quê, mas sempre que eu tenho apenas um celular, algo acontece e eu acabo com 2. E eu costumava me achar louca por isso, até descobrir que a média brasileira é de 2 celulares por pessoa.

No fim das contas, eu sou uma pessoa bem medíocre mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

The Orb Weaver © 2021